Guia para escrever bem: Princípios gerais I

Dando continuidade ao nosso Guia para escrever bem, vamos analisar alguns princípios gerais.

Chegou agora? Não está acompanhando?

Quer aprender ainda mais sobre como escrever melhor? Invista em sua carreira e faça o curso online de Redação e Escrita, um dos melhores do Brasil!

10 Princípios gerais para você escrever melhor

  1. Seja você mesmo. Não altere sua escrita por causa do assunto. Relaxe e escreva com confiança e de uma forma simples e natural. Às vezes, isso vai significar ter que descartar alguns primeiros parágrafos, até que você comece a escrever naturalmente. Lembre-se nunca diga nada escrevendo se você não diria isso, sem problemas, numa conversa. Quando possível, use a primeira pessoa do discurso (Eu) — geralmente torna o texto mais natural.
  2. Escreva para você mesmo — é isso que vai deixar o texto interessante para o leitor.
  3. Escreva de uma forma humana e amistosa (isso não significa ter que concordar com tudo).
  4. Não use palavras desnecessárias. Escreva simples. Não use palavras só por “estilo”.
    1. Uma frase não deve conter palavras desnecessárias, e um parágrafo não deve conter frases desnecessárias, pela mesma razão que um desenho não deve ter linhas desnecessárias e uma máquina não deve ter peças desnecessárias.
    2. Resuma cada frase em seus componentes mais simples. Cada palavra sem função, cada palavra longa que deveria ser curta, cada advérbio que carrega o mesmo significado que já está no verbo, cada forma passiva que deixa o leitor incerto sobre quem está fazendo o quê — essas são as mil e uma adulterações que enfraquecem a força da frase.
    3. Frases rebuscadas e difíceis de entender, além de serem entediantes, geralmente causam náusea.
  5. Seja claro. Escrita clara vem de um pensamento claro. Conheça lógica, retórica e, claro, o seu assunto.
    1. Lembre-se disso: um livro bem escrito com argumentos ruins será mais influente que um livro mal escrito com intermináveis parágrafos de texto sem vida. Lembre-se disso também: Textos sem vida vêm de mentes sem vida
    2. Bons escritores escrevem de uma forma que alguém poderá lê-lo em voz alta e mesmo assim entenderá sua mensagem. Escritores ruins precisam ser estudados, relidos e ponderados.
  6. Evite palavras decorativas.
    1. “Nunca use uma palavra longa quando existe uma curta que faça o mesmo trabalho” (George Orwell)
  7. Escreva como se estivesse morrendo. Isso mesmo. Imagine que você está escrevendo para leitores que são pacientes terminais. O que você escreveria se soubesse que iria morrer logo? O que você diria para uma pessoa que está morrendo e não tem tempo de ficar ouvindo coisas banais?
  8. Respeite as palavras e seus significados. Use o dicionário para qualquer palavra que você tiver dúvida quanto ao significado.
  9. Fale sobre uma pessoa, não sobre pessoas. Especificidade atrai interesse.
  10. Preste atenção nas suas metáforas — o que você quer comunicar com elas?

Você gostou deste post?


7 respostas

  • ANgel

    Gostei da matéria. Trabalho em uma editora e aqui eles cortaram todas s palavras “você” do livro, quando a autora se referia ao leitor. Eles disseram que é errado utilizar o termo em linguagemd e livro, ou seja, deixaria o texto informal. Mas já li coisas de João Ubaldo a Quintana e assuntos técnicos que utilizavam a conversa entre leitor e escritor. Isso é mesmo uma regra?

    Abraços.

  • pablo

    oi quero ajuda como entender a expressao em tempo ou ao tempo em uma frase

  • Aos idealizadores do PortuguesFacil.net, parabéns. Esse foi o melhor texto que li sobre o assunto.
    Realmente me fez perceber que talvez estivesse alongando demais alguns dos Posts no meu blog.
    Agora irei tomar cuidado com palavras “difíceis” e não contornar o interesse dos leitores.

  • Ozinaldo Carneiro

    É eu gostei da matéria, costumo alongar meus email´s pois gosto de explicar bem o que aconteceu e/ou o que esta acontecendo para que as pessoas para quem escrevi venha perguntar algo correlacionado ao assunto, mais entendi que posso ser objetivo em poucas palavras.

    Valeu pelas dicas.

  • Sandra Rosa

    Gostei muito. Suas explanações nos dá confiança para escrever e confirmam, realmente, que devemos ser sucintos e naturais.
    Parabéns,
    Sandra

  • maglene ferreira nunes

    amei tudo isso. Parabéns



Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer receber mais dicas de português e ainda meu livro
Como Escrever com Clareza?
Deixe seu e-mail abaixo:
Maravilha!
Verifique seu e-mail agora
Fechar

Chega de passar vergonha com ERROS DE PORTUGUÊS

Receba as dicas e macetes do prof. André Gazola em seu e-mail e nunca mais seja "O ANALFABETO" entre seus amigos.

Seu e-mail nunca será divulgado